Logotipo da Dorinateca - Link para Home
Aumentar a fonte Diminuir a Fonte
Muda contraste.



Cadastrar-se | Esqueci a senha
ACERVO - INFORMAÇÕES DO LIVRO
FILHOS DA TERRA
Autor: GUARACY, TALES
Editora: ARX
Categorias: Literatura - Brasileira - Romance
Palavras-chave:
Nª de Páginas: 460 - Data: 2004 - Local: São Paulo

Sumário: "Eu e Thales Guaracy trabalhamos juntos numa agitada redação de revista tempos atrás. Entre uma reportagem e outra, um dia ele comentou a idéia de escrever um romance sobre um tal de Lusfen.
-Será baseado nas historias que meu avô me contava. Não é uma boa idéia?
-Depende do avô - respondi, com ar de quem não acredita na humanidade.
Ao longo dos meses seguintes, continuei a ter noticias. Thales acordava cedo de manhã para escrever. Thales não podia tomar cerveja porque ia escrever depois do jantar. Lusfen tomava conta da vida de meu amigo com a severidade de um bedel. Finalmente, ele me ligou. Havia terminado. Eu poderia ler, para dizer o que achava? Suspirei fundo! Gosto de livro encadernado, bonitinho. Recebi uma avalanche de páginas impressas pelo computador.. Dava preguiça só de olhar. Já não trabalhávamos juntos. Às vezes, Thales ligava. Eu disfarçava. -Estou quase começando. É que... Decidi ler num fim de semana. Comecei deitado na cama, com as páginas soltas me rodeando, Quando percebi, estava fascinado. Fui me enredando nessa saga do sertão, me apaixonando pelos personagens. Quando estava no melhor do livro... tragédia! Na desorganização do meu escritório, eu havia perdido as últimas dezenas de páginas. Quase enlouqueci. Sou assim, quando gosto. Enlouqueço para saber como termina. Saí à caça do Thales. Pedi que me enviasse o final, de novo. Ele disse que ia entregar, mas demorou. A situação se inverteu. Agora, eu é que o atormentava para saber do livro. Finalmente, vieram as páginas. Respirei aliviado. Já não suportava mais ficar sem saber os destinos de Lusfen e seus irmãos. É raro encontrar um livro com uma narrativa tão apaixonante. Francamente, fiquei com inveja do Thales por escrever tão bem. Valeu! - Filhos da terra é para se mergulhar de cabeça." Walcyr Carrasco".
Criado e desenvolvido por Eduardo Perez e Pedro Milliet, Results Ltda. © Fundação Dorina Nowill para Cegos. 2015 - 2017 ||| Logotipo do DAISYLATINO.